28.4.10

O dia da aposentadoria.

- Amanhã é feriado, amanhã é feriado!
Aquele velho saiu gritando na rua, pela vizinhança. E todos que o ouviam, estavam o achando louco. Feriado? Mas amanhã é 24/04, o feriado foi dia 21. E ele insistia dizendo: - Amanhã é feriado, que bom! Até que enfim esse dia chegou.
Eu estava chegando no trabalho quando ele me parou e disse:
_ Ô Minha jovem, amanhã é feriado, não é?
_ Não que eu saiba, e olha que geralmente eu fico atenta aos feriados.
_ É sim, quer apostar como é?
_ Hã?!
_ Que dia é amanhã?
_ Acho que é 24. Não é?
_ Isso mesmo, agora olha aqui - tirando o RG do bolso me apontou na data de nascimento - 24/04/1954. Qualé o cabra que você conhece que nasceu no dia vinte e quatro, do quatro, de mil novecentos e quarenta e quatro, às vinte e quatro horas?
Disse que nenhum e tentei voltar ao trabalho - se ele me deixasse. Mas existe 24:00? Depois das 23:59 o relógio não zera e começa um novo dia às 00:00. Acho que sim. E se assim for, ele não nasceu portanto no dia 24 e sim no dia 25. Ia precisar esperar mais um dia pelo feriado.
_ Amanhã eu faço sessenta anos, até que enfim minha aposentadoria!
_ Parabéns, que bom que a sua chegou; mas enquanto não vem a minha eu preciso trabalhar.
Ele se virou e continuou gritando "Amanhã é feriado"
Depois eu me dei conta, nasceu em 54? Então ele não vai fazer 60 anos e sim 56. Xiiii, acho que ele vai ter que esperar mais quatro anos.

5 comentários:

Marcelo Mayer disse...

maldito sistema

Sentimental ♥ disse...

kkkk
trabalhou tanto q até ficou lélé.

deh ramos disse...

adoreeeeeeeei *0*

Ferdi disse...

Nasci dia 15, ás 15:15h, já é algo.

Curiosa disse...

Maravilhosos escritos, encontrei aqui ... Gostei muito ... E vim para ficar ...


beijos